domingo, 10 de julho de 2011

sobre as mentiras (I)

mentir pra si mesmo é importante para ele: seja para manter as aparências de bom menino, ou para não contar o que sabe sobre si mesmo (sobre as outras mentiras que já contou) ou para irritar os que olham e sabem (tipo eu). ainda é mais importante ouvir de qualquer outra pessoa 'é, ele mente' e sorrir em tons de persona elogiada a pensar racionalmente para perceber que isso define perfeitamente e que não há elogio em 'é, ele mente', mas um conjunto de constructos sociais de pessoas conformadas que te transformam em motivos de riso pra qualquer um. acredite, ninguém gosta de ouvir 'ah, cara, deixa quieto, ele mente' e ninguém sorri desse 'elogio'. 

às vezes, é bom parar pra pensar sobre "o que é contar a verdade" e como isso fortalece a personalidade que se tem (e acredite, a vida é uma só, a personalidade e uma só, e o "eu" em si, é um só, meu caro) e as relações construídas. contar a verdade o que se pensa de si mesmo e sobre o que aconteceu conosco nos livra de lógicas sociais do tipo "todos mentem, logo eu tenho a obrigação de mentir também. é uma ordem, entende?" mas toda a sua criação é baseada em uma mentira, então, temos todos que continuar mentido, porque seguir é muito mais importante do que ser feliz consigo mesmo. então, em praxe, somos todos infelizes porque mentimos pra nós mesmos? e seguimos mentindo porque 'o importante na vida é seguir sendo feliz': - como, mentindo pra mim mesma? desculpa, eu não posso mentir pra mim mesma e ser feliz ao mesmo tempo.

por isso, quando me pedem pra mentir, respiro fundo e penso. 'abstrai, abstrai, os fonemas são, as sílabas são, eu sei quem sou, eu abstraio do pedido, abstraio, abstraio, abstraio' e esqueço que me pediram pra mentir como se fosse o melhor conselho da face da terra. e penso de nvo: será que as outras pessoas seguem esse tipo de conselho de família, amigos e nunca pensa sobre isso? ou é tipo aquelas provocações do demônio do tipo 'minta, e eu saberei que você mentiu, jogar na sua cara, contar pra todo mundo e te largar com a mensagem: - viu que faz mal mentir?'